The divine is all that is not yet thing.
The divine is all that is not culture; it is in this potential that we can still be what we are not, that we can discover and reinvent.
Is this space what we look for in rituals? Or the attempt to recreate the past, as if we forgot that memory is an inevitable update of an event?
 
Corpo Santo is an old-fashioned performance, a ritual where you dance to find a sublime moment, transcendence. The drums play alongside the synthesizers and the Candomblé party is present in the echo and color of those who dance, but this ritual does not have the pretention of being identified. It is a show created by movements imagined, dreamed and even lived by the choreographer Rita Vilhena in Salvador da Bahia and in the Amazon, the Netherlands and Portugal. It is a journey to expand the limits of the body.

***************************************************************************************************************************************************************************************************
O divino é tudo aquilo que ainda não é coisa.
O divino é tudo aquilo que não é cultura; é nesse potencial que ainda podemos ser o que não somos, de nos podemos descobrir e reinventar.
Será esse espaço o que procuramos nos rituais? Ou a tentativa de recriar o passado, como se nos esquecêssemos de que a memória é uma inevitável atualização de um evento?

Corpo Santo é uma performance à moda antiga, um ritual onde se dança para encontrar um momento sublime, a transcendência. Os tambores tocam ao lado dos sintetizadores e a festa do Candomblé está presente no eco e na cor dos que dançam, mas este ritual não tem a pretensão de ser identificado. É um espetáculo criado por movimentos imaginados, sonhados e até vividos pela coreógrafa Rita Vilhena em Salvador da Bahia e na Amazónia, na Holanda e em Portugal. É uma viagem para expandir os limites do corpo.
Concept/Choreography Rita Vilhena
Co-creation/Interpretation  Rita Vilhena, Guilherme da Luz, Jari Marjamaki
Musical composition/ Co-creation Jari Marjamaki
Costume design Carlota Lagido
Scenography Afaina de Jong e Innavisions
Promotional photo editing Pedro Duarte

Production manager Daniela Ribeiro
Production Baila Louca, Partícula Extravagante

Residencies Estúdios Victor Córdon, Lisboa; Companhia Olga Roriz, Lisboa; Associação Luzlinar, Feital; Auditório da Notabilidade, Castanheira de Pêra; NEGÓCIO/ZDB, Lisboa

Supports Alkantara, Câmara Municipal de Castanheira de Pêra, Rua das Gaivotas 6/Teatro Praga, CASIO, Derbimoto, Teatro Maria Matos / EGEA
Project finance by Governo de Portugal – Ministério da Cultura/Direção-Geral das Artes e Câmara Municipal de Setúbal
Thank you to Celina da Piedade, Daniel Worm D’Assunção, João Garcia Miguel, Luís Oliva, Maria Lino, Nuno Marques, Olaria Nova e Só Argilas
titledatetimelocationtickets & info
1. Corpo Santo Fri 27-04-2018 21:30 Arquipélago Centro de Artes Contemporâneas, São Miguel - Açoreshttp
2. Corpo Santo Sat 21-04-2018 21:30 Teatro Ibérico, Lisbonhttp
3. Corpo Santo Sat 03-03-2018 21:30 A Bruxa Teatro, Évorahttp
4. Corpo Santo Sat 17-02-2018 21:30 Forum Luísa Todi, Setúbalwww.mun-setubal.pt
© Óbvia.ac
© Óbvia.ac
© Óbvia.ac
© Óbvia.ac
©  Rui Soares
© Óbvia.ac
©  Rui Soares
menu | >>